terça-feira, 13 de setembro de 2016

Difícil escolha, "qual a mais linda?"


















segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Isso não é mulher, é uma Deusa


Para quem estava com saudades da “Mulher Melancia”, aqui está ela! No último domingo (4), Andressa Soares, 28, aproveitou o sol que apareceu no Rio de Janeiro para curtir um dia de praia.

Nas areias do “Recreio”, na zona Oeste da “Cidade Maravilhosa”, a funkeira foi vista com um biquíni bem pequenininho. Na hora de deitar para reforçar o bronzeado, o bumbum avantajado da morena atraiu muitos olhares por lá.

“Preta, preta, pretinha”, legendou a famosa que recebeu várias cantadas na web. “Que corpo perfeito. Uma sereia sexy”, comentou um dos seus seguidores no Instagram.

Recentemente, a “Mulher Melancia” mostrou na internet que usa uma técnica um tanto quanto inusitada para tirar a celulite do bumbum. 

Deitada em uma maca, a morena apareceu sendo massageada de uma maneira muito forte e rápida por duas profissionais ao mesmo tempo. “Hoje elas arrebentaram”, postou a carioca.




segunda-feira, 22 de agosto de 2016


Histórico

Açailândia faz parte do estado do Maranhão. É o oitavo município mais populoso do estado, com um total de 104.013 habitantes segundo estimativa do IBGE em 2010.

O PIB de Açailândia em 2008 é de R$ 1.767.453.000 tornando Açailândia como o 3º Maior PIB do Estado Maranhão e possuindo a maior renda Per Capta do Maranhão R$ 12.865,82 por habitante.

A cidade é um importante pólo agroindustrial, onde a exportação de ferro gusa gerada por cinco indústrias siderúrgicas instaladas no município se torna sua principal fonte de renda. Também conta com diversos estabelecimentos comerciais dos mais diversos ramos do comércio e serviços, e possui o maior rebanho bovino do estado.

O desbravamento do território teve origem na construção da BR-010 (Antiga BR 14, Belém-Brasília), quando a empresa encarregada dos trabalhos - Rodobrás - ali instalou um acampamento. Homens de todas as classes se apresentaram em busca de colocação e um deles, João Neves de Oliveira, vulgo - João Mariquinha -, foi contratado para caçador do grupo, pela sua habilidade no ramo. 

Ao ser concluída a estrada, João Mariquinha trocou de profissão, fixando-se em definitivo com sua família, tendo se transformado em dos principais pioneiro do devassamento.

Após a inauguração da BR-010, ficara um pequeno núcleo populacional que se elevou rapidamente pela afluência de nordestinos, principalmente da Bahia, que buscavam terras devolutas para o desempenho da agropecuária. Mais tarde, o extrativismo vegetal se transformou na principal atividade da povoação. Paralelamente, desenvolveram-se a indústria e o comércio.

Posteriormente, a construção da BR-222, ligando Santa Luzia ao povoado, proporcionou sensível crescimento da região fazendo com que os habitantes passassem a buscar sua emancipação.

A presença de muitas palmeiras de açaí, fez com que um riacho descoberto próximo ao local da futura povoação fosse denominado Açailândia. Posteriormente, essa denominação foi dada, também, ao povoado e ao município.

Elevado à categoria de município e distrito com a denominação de Açailândia, pela lei estadual nº 4295, de 06-06-1981, desmembrado de Imperatriz. Sede no atual distrito de Açailândia, ex-povoado. Constituído distrito sede. Instalado em 01-02-1983.

Em divisão territorial datada de 18-VIII-1988, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005(Fonte: IBGE)

Fotos: Fernando Cunha (Nando Cunha)

Rua Marly Sarney.

Rua do Mercado Municipal.

Praça da Bíblia.

Praça da Bíblia.

Vista da cidade.

Vista da cidade.

Vista da cidade.

Trevo de acesso a cidade.

Rua Goiás.

Santa Maria Hotel.

Rua Duque de Caxias.

Pracinha da Vila.

Igreja Católica.

Casa onde faleceu Bernardo Sayão.

As palmeiras do Hospital São Sebastião.

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Duas safadinhas













sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Ela é demais!!!